Pular para o conteúdo principal

ESCOLA-EBD.COM

Cristo, a cabeça da Igreja

 

leitura diária Cristo, a cabeça da Igreja

Leitura Diária Efésios 5

23 Porque o marido é a cabeça da mulher, como também Cristo é a cabeça da igreja, sendo ele próprio o salvador do corpo.

Reflexão
O que significa dizer que Cristo é a cabeça da Igreja? Essa é uma expressão que encontramos frequentemente na Bíblia, especialmente nas cartas do apóstolo Paulo. Mas qual é o seu significado e implicações para a vida cristã?

A palavra grega usada para cabeça é kephalē, que pode ter vários sentidos, dependendo do contexto. No sentido literal, refere-se à parte superior do corpo humano ou animal, onde se localiza o cérebro, os olhos, os ouvidos, a boca e o nariz. No sentido figurado, pode significar origem, fonte, autoridade, liderança ou supremacia.

Quando Paulo diz que Cristo é a cabeça da Igreja, ele está usando o termo em um sentido figurado, mas não de forma arbitrária ou aleatória. Ele está baseando-se em uma analogia entre o corpo humano e o corpo de Cristo, que é a Igreja. Essa analogia é desenvolvida em vários textos do Novo Testamento, como Romanos 12:4-5, 1 Coríntios 12:12-27 e Efésios 4.15-16.

A analogia do corpo nos ajuda a entender o que significa Cristo ser a cabeça da Igreja em pelo menos três aspectos:

1. Cristo é a origem e a fonte da Igreja. Ele é o fundamento, o princípio e o fim de tudo o que existe, inclusive da Igreja. Ele é o criador, o redentor e o consumador da Igreja. Ele é aquele que dá vida, sustento e crescimento à Igreja. Ele é aquele que concede dons, ministérios e frutos à Igreja. Ele é aquele que une, edifica e santifica a Igreja. Sem Cristo, não há Igreja.

2. Cristo é a autoridade e a liderança da Igreja. Ele é o Senhor, o Rei e o Cabeça de tudo e de todos, inclusive da Igreja. Ele é o legislador, o juiz e o pastor da Igreja. Ele é aquele que governa, dirige e orienta a Igreja. Ele é aquele que ensina, corrige e disciplina a Igreja. Ele é aquele que protege, defende e intercede pela Igreja. Sem Cristo, não há ordem na Igreja.

3. Cristo é a supremacia e a glória da Igreja. Ele é o primogênito, o herdeiro e o alvo de todas as coisas, inclusive da Igreja. Ele é o modelo, o exemplo e o padrão da Igreja. Ele é aquele que revela, manifesta e reflete a imagem de Deus na Igreja. Ele é aquele que atrai, convence e salva as pessoas por meio da Igreja. Ele é aquele que merece, recebe e exibe toda honra, louvor e adoração na Igreja. Sem Cristo, não há propósito na Igreja.

Portanto, dizer que Cristo é a cabeça da Igreja significa reconhecer que ele é tudo para a Igreja e que a Igreja depende totalmente dele para existir, funcionar e cumprir sua missão no mundo. Significa também submeter-se à sua vontade, obedecer à sua palavra e seguir o seu exemplo em todas as áreas da vida cristã. Significa ainda glorificar a sua pessoa, proclamar o seu evangelho e adorar o seu nome em todas as circunstâncias da vida cristã.

Que possamos viver de acordo com essa verdade e honrar a Cristo como a cabeça da nossa Igreja!

  • Autores do blog: Ivaldo Fernandes
  • Título: Cristo, a cabeça da Igreja
  • Last updated: 

Comentários