Perguntas com Respostas do livro de Jó


Quem era Jó no livro de Jó?
Resposta: Jó era um homem justo e íntegro.

Qual era a terra de Jó?
Resposta: Uz (Jó 1:1).

Quantos filhos tinha Jó?
Resposta: Dez (Jó 1:2).

Como eram os filhos de Jó?
Resposta: Eles se reuniam para fazer banquetes em casa uns dos outros (Jó 1:4).

Quem desafiou a integridade de Jó?
Resposta: Satanás (Jó 1:6-7).

O que Satanás argumentou contra Jó?
Resposta: Ele afirmou que Jó só era fiel a Deus porque estava sendo abençoado (Jó 1:9-11).

Como Jó reagiu às perdas que sofreu?
Resposta: Ele rasgou suas vestes, raspou a cabeça e adorou a Deus (Jó 1:20).

Qual foi a resposta de Jó à tragédia que o atingiu?
Resposta: "Nu saí do ventre de minha mãe, e nu tornarei para lá; o Senhor o deu, o Senhor o tomou; bendito seja o nome do Senhor" (Jó 1:21).

Como Jó foi afligido fisicamente?
Resposta: Com feridas malignas, desde a planta do pé até o alto da cabeça (Jó 2:7).

Quem aconselhou Jó a amaldiçoar a Deus e morrer?
Resposta: Sua esposa (Jó 2:9).

Quem eram os três amigos de Jó?
Resposta: Elifaz, Bildade e Zofar (Jó 2:11).

O que os amigos de Jó inicialmente fizeram ao encontrá-lo?
Resposta: Sentaram-se com ele em silêncio por sete dias e sete noites (Jó 2:13).

Qual foi a primeira acusação de Elifaz contra Jó?
Resposta: Ele sugeriu que Jó estava sofrendo por causa de seus próprios pecados (Jó 4:7-8).

Como Jó descreveu sua própria condição física?
Resposta: Como "dias sem esperança" (Jó 7:6).

O que Jó desejava que fosse escrito para a posteridade?
Resposta: Suas palavras fossem gravadas em uma inscrição de ferro e chumbo (Jó 19:23-24).

Quem foi Eliú e qual foi sua contribuição para a conversa?
Resposta: Eliú era um jovem que falou após os três amigos de Jó. Ele argumentou que o sofrimento de Jó era uma correção divina (Jó 32:6-7).

O que Jó desejou que Deus fizesse por ele?
Resposta: Que Deus escrevesse um livro registrando suas acusações contra ele (Jó 31:35).

Qual foi a resposta de Deus a Jó?
Resposta: Deus respondeu a Jó do meio de um redemoinho, questionando-o sobre sua compreensão da criação (Jó 38-41).

Como Jó respondeu à revelação de Deus?
Resposta: Ele reconheceu sua limitada compreensão e se arrependeu em pó e cinzas (Jó 42:1-6).

O que Deus ordenou que os amigos de Jó fizessem para obter perdão?
Resposta: Oferecer um sacrifício e pedir a intercessão de Jó (Jó 42:7-9).

Como Deus abençoou a vida de Jó no final?
Resposta: Deus restaurou a prosperidade de Jó, dando-lhe o dobro de tudo o que tinha antes (Jó 42:10-17).

O que aconteceu com os irmãos e irmãs de Jó após sua restauração?
Resposta: Eles vieram comer pão com ele em sua casa e mostraram-lhe compaixão (Jó 42:11).

Quantos anos Jó viveu após sua restauração?
Resposta: Jó viveu mais 140 anos, vendo quatro gerações de seus descendentes (Jó 42:16).

Como as filhas de Jó foram descritas em termos de beleza?
Resposta: Elas eram as mulheres mais bonitas da região (Jó 42:15).

Qual foi o nome das filhas de Jó?
Resposta: Jemima, Quézia e Quéren-Hapuque (Jó 42:14).

O que Jó recebeu como presente de seus amigos após sua restauração?
Resposta: Cada um deles deu a Jó uma peça de prata e um anel de ouro (Jó 42:11).

Jó foi abençoado com mais filhos após sua restauração?
Resposta: Sim, ele teve sete filhos e três filhas (Jó 42:13).

Quais foram os nomes dos três amigos de Jó que não foram condenados por Deus no final?
Resposta: Elifaz, o temanita; Bildade, o suíta; e Zofar, o naamatita (Jó 42:7).

Qual foi o papel de Eliú na narrativa de Jó?
Resposta: Eliú falou após os discursos dos três amigos, acrescentando perspectivas e repreendendo Jó por sua atitude (Jó 32-37).

O que Jó disse sobre a sabedoria em comparação com o temor do Senhor?
Resposta: "Eis que o temor do Senhor é a sabedoria, e o apartar-se do mal é a inteligência" (Jó 28:28).

Qual foi a resposta de Deus quando Jó O questionou sobre o sofrimento injusto?
Resposta: Deus desafiou Jó a considerar Seu conhecimento e soberania na criação (Jó 38-41).

O que Jó disse sobre a ressurreição?
Resposta: "Eu sei que o meu Redentor vive e que por fim se levantará sobre a terra" (Jó 19:25).

Qual foi a última condição de Jó em termos de riqueza?
Resposta: Ele possuía 14.000 ovelhas, 6.000 camelos, 1.000 juntas de bois e 1.000 jumentas (Jó 42:12).

Quem trouxe más notícias a Jó sobre suas perdas?
Resposta: Um mensageiro após o outro, relatando a perda de seus rebanhos e filhos (Jó 1:13-19).

Como Deus descreveu Jó a Satanás?
Resposta: "Há alguém como Jó na terra, homem íntegro e reto, temente a Deus e que se desvia do mal" (Jó 1:8).

Qual foi a resposta de Jó à sua esposa quando ela o aconselhou a amaldiçoar a Deus e morrer?
Resposta: "Falas como qualquer mulher insensata. Também receberemos o bem de Deus, e não receberíamos o mal?" (Jó 2:10).

O que Jó fez no início de cada banquete de seus filhos?
Resposta: Ele oferecia sacrifícios, temendo que seus filhos pudessem ter pecado e amaldiçoado a Deus em seus corações (Jó 1:5).

O que Jó pediu a Deus em relação aos seus amigos?
Resposta: Ele pediu a Deus que não os considerasse inocentes e que a hipocrisia deles fosse revelada (Jó 13:7-12).

Quem foi mencionado como sendo o "consolador miserável" por Jó?
Resposta: Bildade (Jó 16:2).

O que Jó disse sobre o fim dos ímpios?
Resposta: "Os maus sofrem lá porque não há nenhum temor diante de Deus" (Jó 27:13-23).

Qual foi a resposta de Deus à sabedoria dos homens em comparação com a Sua sabedoria?
Resposta: "Onde estavas tu, quando eu lançava os fundamentos da terra?" (Jó 38:4).

Como Jó descreveu a brevidade da vida?
Resposta: "Meus dias são mais rápidos do que a lançadeira do tecelão" (Jó 7:6).

Quem respondeu a Jó do meio do redemoinho?
Resposta: O Senhor (Jó 38:1).

Como Deus descreveu o Behemote para Jó?
Resposta: Como um animal poderoso, provavelmente um hipopótamo ou crocodilo (Jó 40:15-24).

Como Deus desafiou Jó a adornar-se de majestade e excelência?
Resposta: Deus mencionou o pavão como uma criação majestosa e desafiou Jó a criar algo igual (Jó 40:10-11).

O que Jó respondeu quando Deus questionou sua compreensão da criação?
Resposta: "Reconheço que tudo podes, e nenhum dos teus planos pode ser impedido" (Jó 42:2).

Quem intercedeu por Jó após a conversa com Deus?
Resposta: Jó intercedeu por seus amigos, e Deus aceitou a intercessão (Jó 42:8-9).

Qual foi o versículo-chave que resume a mensagem central do livro de Jó?
Resposta: "No fim destas palavras, deu Jó resposta ao Senhor: 'Reconheço que tudo podes, e nenhum dos teus planos pode ser impedido'" (Jó 42:1-2).

O que Deus disse que os amigos de Jó não falaram corretamente?
Resposta: Eles não falaram corretamente sobre Deus, ao contrário de Jó (Jó 42:7).

Como Deus chamou a atenção de Jó para a criação animal?
Resposta: Deus mencionou várias criaturas, incluindo o leviatã, para destacar Sua grandeza na criação (Jó 41).

O que Jó disse sobre a justiça de Deus em relação ao sofrimento dos ímpios?
Resposta: "Os ímpios são poupados no dia da calamidade, mas entregues no dia do furor" (Jó 21:30).

Qual foi a resposta de Zofar à fala de Jó sobre a justiça divina?
Resposta: Ele repreendeu Jó, insistindo que os ímpios sempre enfrentam o juízo de Deus (Jó 20).

Como Jó descreveu a futilidade da sabedoria humana diante da soberania de Deus?
Resposta: "A sabedoria de homens é loucura para Deus" (Jó 12:12).

O que Jó desejou em relação ao seu nascimento?
Resposta: Ele desejou nunca ter nascido e pediu que seu dia de nascimento fosse amaldiçoado (Jó 3:1-26).

Como Jó respondeu à sugestão de seus amigos de que ele estava sendo punido por seus pecados?
Resposta: Ele negou ter cometido pecados específicos que justificassem seu sofrimento (Jó 27:2-6).

O que Jó disse sobre a busca da sabedoria?
Resposta: "A sabedoria não se encontra na terra dos viventes" (Jó 28:13).

Quem sugeriu a Jó que ele se arrependesse e buscasse a misericórdia de Deus?
Resposta: Eliú (Jó 33:27-28).

Qual foi a reação de Jó à revelação de Deus sobre Sua soberania na criação?
Resposta: Ele reconheceu sua insignificância e pecaminosidade diante do Deus todo-poderoso (Jó 42:5-6).

O que Deus disse sobre a oração de Jó por seus amigos?
Resposta: Deus aceitou a oração de Jó e restaurou a prosperidade dele (Jó 42:10).

Como Jó expressou sua angústia diante do silêncio aparente de Deus?
Resposta: "Ah, se soubesse onde o poderia achar! Então, me chegaria até o seu tribunal" (Jó 23:3-5).

O que Jó disse sobre a brevidade da vida e a certeza da morte?
Resposta: "Meus dias são mais velozes do que a lançadeira do tear, e acabam-se sem esperança" (Jó 7:6).

Qual foi a resposta de Jó à acusação de Elifaz de que ele estava rejeitando a disciplina de Deus?
Resposta: Ele negou a acusação e expressou sua perplexidade diante do sofrimento injusto (Jó 5:17-18; 6:24-30).

Como Jó descreveu a perda de sua influência social durante o sofrimento?
Resposta: "Eu sou um proverbio para o meu vizinho, e o meu olhar inspira pavor aos filhos da minha mãe" (Jó 17:6).

Quem foi descrito como "consolador miserável" por Jó?
Resposta: Bildade (Jó 16:2).

O que Jó disse sobre a esperança, mesmo em meio ao sofrimento?
Resposta: "Ainda que ele me mate, nele esperarei" (Jó 13:15).

Como Jó expressou sua frustração em relação à aparente injustiça de Deus?
Resposta: "Se tão somente houvesse entre nós quem fosse arbitro, que pusesse a mão sobre nós ambos" (Jó 9:33).

O que Jó disse sobre a busca da sabedoria em comparação com a prata e o ouro?
Resposta: "A sabedoria é mais preciosa que os rubis; tudo o que você pode almejar não se compara a ela" (Jó 28:18).

Como Jó descreveu a inconstância da vida e a inevitabilidade da morte?
Resposta: "Os dias do homem estão determinados; tu conheces o número dos seus meses, e lhe puseste limites que ele não pode ultrapassar" (Jó 14:5).

Quem foi o primeiro a falar na tentativa de consolar Jó?
Resposta: Elifaz (Jó 4:1).

O que Jó disse sobre a futilidade da esperança na prosperidade terrena?
Resposta: "Os olhos do ímpio se desfazem, e a sua esperança é frustrada, e o seu último suspiro é o último de todos" (Jó 11:20).

Como Jó repreendeu seus amigos por não serem consoladores eficazes?
Resposta: Ele os chamou de "conselheiros de nada" (Jó 16:2).

O que Jó disse sobre a brevidade da alegria dos ímpios?
Resposta: "Oh, que se pesassem os meus atos, e se pesasse em uma balança a minha desgraça!" (Jó 6:2).

Qual foi a resposta de Zofar à fala de Jó sobre a inutilidade da sabedoria humana?
Resposta: Ele afirmou que a sabedoria divina é insondável, mas a sabedoria humana é limitada (Jó 11:5-6).

Como Jó descreveu a relação entre a sabedoria e o temor do Senhor?
Resposta: "O temor do Senhor é a sabedoria; afastar-se do mal é entendimento" (Jó 28:28).

O que Jó disse sobre a esperança na ressurreição?
Resposta: "Eu sei que o meu Redentor vive e que por fim se levantará sobre a terra" (Jó 19:25).

Como Jó respondeu à sugestão de Zofar de que ele merecia mais sofrimento?
Resposta: Ele rejeitou a acusação e expressou seu desejo de falar diretamente com Deus (Jó 13:3, 20-22).

Quem foi o último a falar na série de discursos entre Jó e seus amigos?
Resposta: Eliú (Jó 32:6).

O que Jó desejou em relação aos seus amigos no final do livro?
Resposta: Ele desejou que seus amigos fossem julgados por Deus por não falarem corretamente sobre Ele (Jó 42:8-9).

O que Jó disse sobre a brevidade da vida e a incerteza do futuro?
Resposta: "Como a nuvem se desfaz e passa, assim aquele que desce à sepultura não tornará a subir" (Jó 7:9).

Qual foi a última atitude de Jó após sua restauração por Deus?
Resposta: Ele orou por seus amigos, ofereceu sacrifícios a Deus e foi abençoado com mais prosperidade do que antes (Jó 42:10-17).

Qual foi a resposta de Jó à sugestão de seus amigos de que ele estava sendo punido por seus pecados?
Resposta: Ele negou veementemente ter cometido pecados específicos que justificassem seu sofrimento (Jó 27:4-6).

Como Jó expressou sua confiança na justiça divina, apesar das circunstâncias adversas?
Resposta: "Embora ele me mate, nele esperarei; contudo, defenderei os meus caminhos diante dele" (Jó 13:15).

Qual foi a reação de Jó ao conhecimento da grandeza de Deus na criação?
Resposta: Ele humildemente reconheceu sua pequenez e pecaminosidade diante da majestade de Deus (Jó 42:5-6).

Quem foi mencionado como exemplo de integridade no livro de Jó?
Resposta: Jó é descrito como um homem íntegro e reto, temente a Deus e que se desvia do mal (Jó 1:1; 2:3).

Como Jó respondeu à acusação de seus amigos de que ele estava rejeitando a disciplina de Deus?
Resposta: Ele afirmou sua inocência e questionou por que Deus o tratava como inimigo (Jó 7:20; 13:23-24).

O que Jó disse sobre a busca da sabedoria em comparação com as riquezas?
Resposta: "A sabedoria é melhor do que jóias, e de tudo o que se deseja, nada se compara com ela" (Jó 28:18).

Como Jó expressou sua angústia diante do silêncio aparente de Deus?
Resposta: "Ah, se soubesse onde o poderia achar! Então, me chegaria até o seu tribunal" (Jó 23:3-5).

O que Jó disse sobre a brevidade da vida e a inevitabilidade da morte?
Resposta: "O homem, nascido da mulher, é de poucos dias e farto de inquietação" (Jó 14:1).

Quem foi o último a falar antes da intervenção direta de Deus na conversa?
Resposta: Eliú (Jó 37:23).

Como Jó expressou sua frustração em relação à aparente injustiça de Deus?
Resposta: "Se tão somente houvesse entre nós quem fosse arbitro, que pusesse a mão sobre nós ambos" (Jó 9:33).

O que Jó disse sobre a futilidade da esperança na prosperidade terrena?
Resposta: "Os olhos do ímpio se desfazem, e a sua esperança é frustrada, e o seu último suspiro é o último de todos" (Jó 11:20).

Como Jó descreveu a relação entre a sabedoria e o temor do Senhor?
Resposta: "O temor do Senhor é a sabedoria; afastar-se do mal é entendimento" (Jó 28:28).

O que Jó disse sobre a esperança na ressurreição?
Resposta: "Eu sei que o meu Redentor vive e que por fim se levantará sobre a terra" (Jó 19:25).

Como Jó respondeu à sugestão de Zofar de que ele merecia mais sofrimento?
Resposta: Ele rejeitou a acusação e expressou seu desejo de falar diretamente com Deus (Jó 13:3, 20-22).

Quem foi o último a falar na série de discursos entre Jó e seus amigos?
Resposta: Eliú (Jó 42:7).

O que Jó desejou em relação aos seus amigos no final do livro?
Resposta: Ele desejou que seus amigos fossem julgados por Deus por não falarem corretamente sobre Ele (Jó 42:8-9).

O que Jó disse sobre a brevidade da vida e a incerteza do futuro?
Resposta: "Como a nuvem se desfaz e passa, assim aquele que desce à sepultura não tornará a subir" (Jó 7:9).

Qual foi a última atitude de Jó após sua restauração por Deus?
Resposta: Ele orou por seus amigos, ofereceu sacrifícios a Deus e foi abençoado com mais prosperidade do que antes (Jó 42:10-17).

Como Jó expressou sua confiança na justiça divina, apesar das circunstâncias adversas?
Resposta: "Ainda que ele me mate, nele esperarei; contudo, defenderei os meus caminhos diante dele" (Jó 13:15).

Quem foi mencionado como exemplo de integridade no livro de Jó?
Resposta: Jó é descrito como um homem íntegro e reto, temente a Deus e que se desvia do mal (Jó 1:1; 2:3).

Como Jó descreveu a inconstância da vida e a inevitabilidade da morte?
Resposta: "Os dias do homem estão determinados; tu conheces o número dos seus meses, e lhe puseste limites que ele não pode ultrapassar" (Jó 14:5).

Quem foi o primeiro a falar na tentativa de consolar Jó?
Resposta: Elifaz (Jó 4:1).

O que Jó desejou em relação aos seus amigos no final do livro?
Resposta: Ele desejou que seus amigos fossem julgados por Deus por não falarem corretamente sobre Ele (Jó 42:8-9).

Como Jó expressou sua confiança na justiça divina, apesar das circunstâncias adversas?
Resposta: "Ainda que ele me mate, nele esperarei; contudo, defenderei os meus caminhos diante dele" (Jó 13:15).

Qual foi a reação de Jó ao conhecimento da grandeza de Deus na criação?
Resposta: Ele humildemente reconheceu sua pequenez e pecaminosidade diante da majestade de Deus (Jó 42:5-6).

Quem foi mencionado como exemplo de integridade no livro de Jó?
Resposta: Jó é descrito como um homem íntegro e reto, temente a Deus e que se desvia do mal (Jó 1:1; 2:3).

O que Jó disse sobre a brevidade da vida e a inevitabilidade da morte?
Resposta: "O homem, nascido da mulher, é de poucos dias e farto de inquietação" (Jó 14:1).

Como Jó expressou sua frustração em relação à aparente injustiça de Deus?
Resposta: "Se tão somente houvesse entre nós quem fosse árbitro, que pusesse a mão sobre nós ambos" (Jó 9:33).

O que Jó disse sobre a futilidade da esperança na prosperidade terrena?
Resposta: "Os olhos do ímpio se desfazem, e a sua esperança é frustrada, e o seu último suspiro é o último de todos" (Jó 11:20).

Como Jó descreveu a relação entre a sabedoria e o temor do Senhor?
Resposta: "O temor do Senhor é a sabedoria; afastar-se do mal é entendimento" (Jó 28:28).

O que Jó disse sobre a esperança na ressurreição?
Resposta: "Eu sei que o meu Redentor vive e que por fim se levantará sobre a terra" (Jó 19:25).

Como Jó respondeu à sugestão de Zofar de que ele merecia mais sofrimento?
Resposta: Ele rejeitou a acusação e expressou seu desejo de falar diretamente com Deus (Jó 13:3, 20-22).

Quem foi o último a falar na série de discursos entre Jó e seus amigos?
Resposta: Eliú (Jó 42:7).

O que Jó desejou em relação aos seus amigos no final do livro?
Resposta: Ele desejou que seus amigos fossem julgados por Deus por não falarem corretamente sobre Ele (Jó 42:8-9).

O que Jó disse sobre a brevidade da vida e a incerteza do futuro?
Resposta: "Como a nuvem se desfaz e passa, assim aquele que desce à sepultura não tornará a subir" (Jó 7:9).

Qual foi a última atitude de Jó após sua restauração por Deus?
Resposta: Ele orou por seus amigos, ofereceu sacrifícios a Deus e foi abençoado com mais prosperidade do que antes (Jó 42:10-17).

Como Jó expressou sua confiança na justiça divina, apesar das circunstâncias adversas?
Resposta: "Ainda que ele me mate, nele esperarei; contudo, defenderei os meus caminhos diante dele" (Jó 13:15).

Quem foi mencionado como exemplo de integridade no livro de Jó?
Resposta: Jó é descrito como um homem íntegro e reto, temente a Deus e que se desvia do mal (Jó 1:1; 2:3).

O que Jó disse sobre a brevidade da vida e a inevitabilidade da morte?
Resposta: "O homem, nascido da mulher, é de poucos dias e farto de inquietação" (Jó 14:1).

Como Jó expressou sua frustração em relação à aparente injustiça de Deus?
Resposta: "Se tão somente houvesse entre nós quem fosse árbitro, que pusesse a mão sobre nós ambos" (Jó 9:33).

Comentários

Tradutor

3° trimestre 2024