Pular para o conteúdo principal

ESCOLA-EBD.COM

A realidade bíblica da Carne como inimiga da jornada

 


Leitura Diária 

Gálatas 5.
19 Porque as obras da carne são manifestas, as quais são: adultério, fornicação, impureza, lascívia,
Gálatas 6.
8 Porque o que semeia na sua carne, da carne ceifará a corrupção; mas o que semeia no Espírito, do Espírito ceifará a vida eterna.

Reflexão

A dualidade entre a carne e o espírito é um tema recorrente na teologia cristã, especialmente no contexto das epístolas do Novo Testamento. Em Gálatas 5:19-21, o apóstolo Paulo descreve as "obras da carne" como manifestações que são contrárias à vontade de Deus e ao fruto do Espírito. Ele lista uma série de comportamentos e atitudes, como imoralidade sexual, idolatria, ódio e inveja, que são considerados incompatíveis com a vida que agrada a Deus.
Siga o canal "Leitura Diária da EBD" no WhatsApp: CLIC AQUI
Por outro lado, em Gálatas 6:8, Paulo contrasta os resultados de viver segundo a carne com os de viver segundo o Espírito. Aqueles que "semeiam para a sua carne" colherão "corrupção", enquanto aqueles que "semeiam para o Espírito" colherão "vida eterna". Esta passagem sugere uma escolha entre dois caminhos distintos, com destinos muito diferentes.

Esses versículos destacam a importância de uma vida guiada pelo Espírito, que produz frutos como amor, alegria, paz, paciência, gentileza, bondade, fidelidade, mansidão e autocontrole, conforme listado em Gálatas 5:22-23. A mensagem é clara: as ações e escolhas diárias têm implicações eternas, e a transformação do caráter humano é possível através da influência do Espírito Santo.

A "carne" aqui não se refere ao corpo físico em si, mas sim à natureza humana inclinada a práticas que se opõem aos ensinamentos de Cristo. A "jornada" mencionada pode ser interpretada como a caminhada de fé e a busca pela santificação na vida cristã. A luta contra as tendências da carne é apresentada como um desafio constante para os crentes, que são chamados a viver de maneira que honre a Deus e reflita o caráter de Cristo.

A discussão sobre carne e espírito em Gálatas é um convite à reflexão sobre as motivações e ações pessoais, incentivando os fiéis a buscarem uma vida alinhada com os valores do Evangelho e a dependência do Espírito Santo para uma transformação genuína e duradoura.

  • Autores do blog: Ivaldo Fernandes
  • Título: A realidade bíblica da Carne como inimiga da jornada
  • Last updated: 

Comentários