Pular para o conteúdo principal

ESCOLA-EBD.COM

Deus investiu homens para o ministério


Leitura Diária 
2 Coríntios 5.
18 E tudo isto provém de Deus, que nos reconciliou consigo mesmo por Jesus Cristo, e nos deu o ministério da reconciliação;
Reflexão

Na segunda carta aos Coríntios, no capítulo 5, versículo 18, encontramos um versículo que nos mostra o investimento de Deus nos homens para o ministério. Neste texto, o apóstolo Paulo escreve sobre a reconciliação que Deus realizou através de Jesus Cristo e como isso nos capacita a sermos ministros da reconciliação.

O ministério é uma tarefa importante e nobre, pois envolve servir a Deus e às pessoas, levando a mensagem do Evangelho e promovendo a reconciliação entre Deus e os seres humanos. Deus escolheu e investiu em homens para desempenharem esse papel fundamental na obra do Reino.

Siga o canal "Leitura Diária da EBD" no WhatsApp: CLIC AQUI

O chamado para o ministério

O chamado para o ministério não é uma escolha humana, mas sim uma designação divina. Deus conhece cada um de nós e nos chama de forma específica para cumprir o propósito que Ele tem para nossas vidas. Ele nos capacita e nos equipa com os dons e talentos necessários para desempenharmos o ministério com excelência.

É importante entendermos que o ministério não se limita apenas aos líderes religiosos ou aos que trabalham em tempo integral na igreja. Todos os cristãos são chamados para serem ministros da reconciliação, independentemente de sua profissão ou posição na sociedade.

A responsabilidade do ministério

Com o chamado para o ministério, vem também uma grande responsabilidade. Deus nos confia a tarefa de proclamar o Evangelho, de sermos embaixadores de Cristo e de promover a reconciliação entre as pessoas e Deus.

Isso requer dedicação, compromisso e uma vida de santidade. O ministério não é apenas um trabalho, mas um estilo de vida. Devemos viver de acordo com os princípios do Reino, buscando sempre agradar a Deus em tudo o que fazemos.

Além disso, o ministério envolve também o cuidado com as pessoas. Devemos estar dispostos a ouvir, aconselhar, encorajar e amar aqueles que estão ao nosso redor. Devemos ser instrumentos de cura e restauração, levando esperança e consolo para aqueles que estão em situações de dor e sofrimento.

O poder de Deus no ministério

Ao investir em homens para o ministério, Deus nos capacita com o Seu poder. Não estamos sozinhos nessa tarefa, mas temos a presença e a unção do Espírito Santo para nos guiar e fortalecer.

É através do poder de Deus que podemos realizar obras grandiosas em Seu nome. Não é a nossa capacidade ou habilidade que faz a diferença, mas sim a atuação do Espírito Santo em nós. Ele nos capacita a pregar, ensinar, curar, libertar e fazer discípulos.

Portanto, não devemos confiar em nossa própria força, mas sim depender de Deus em tudo o que fazemos. Ele é quem nos capacita e nos dá as estratégias necessárias para cumprirmos o ministério com sucesso.

Conclusão

O investimento de Deus nos homens para o ministério é uma prova do Seu amor e confiança em nós. Ele nos chama, nos capacita e nos envia para sermos ministros da reconciliação, levando a mensagem do Evangelho e promovendo a paz entre Deus e os homens.

Que possamos assumir essa responsabilidade com humildade e dedicação, buscando sempre a direção e o poder de Deus em tudo o que fazemos. Que sejamos fiéis em cumprir o chamado para o ministério e em servir a Deus e às pessoas com amor e excelência.

  • Autores do blog: Ivaldo Fernandes
  • Título: Deus investiu homens para o ministério
  • Last updated: 

Comentários